eletrobras no bairro
Pref. Rolim de Moura

Polícia

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Jovem que ostentava na web e que recebia Bolsa Família é presa pela 2ª vez

Lúbia Pinheiro tinha conseguido prisão domiciliar sob a alegação de que precisava cuidar das filhas. Ela é acusada de fazer parte de quadrilha de assalto a banco.

COMPARTILHE

 

Lúbia Gorgete é acusada de integrar quadrilha de roubo a banco em MT (Foto: Reprodução / Facebook)

 

A manicure Lúbia Camilla Pinheiro Gorgete, de 26 anos, acusada de fazer parte de uma quadrilha de roubo a bancos em Mato Grosso, voltou a ser presa preventivamente. A prisão foi decretada pela juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá, no dia 8 de junho.

 

 

A ré havia conseguido em maio prisão domiciliar por ter duas filhas menores de idade, mas foi constatado pela Justiça que ela não tem a guarda de uma das meninas e que a outra não mora com a mãe.

 

 


O advogado Rafael Moreira, que defende a manicure, disse que ela é inocente e que vai recorrer da prisão no Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

 

 


Lúbia, que recebia o benefício do Bolsa Família, foi presa no dia 4 de maio, durante a operação Luxus, da Polícia Civil, que investigou assaltantes de bancos que ostentavam com fotos nas redes sociais as viagens e outros gastos com o dinheiro dos roubos.

 

 

Na semana passada, a Justiça aceitou denúncia contra os 15 membros da quadrilha. A jovem teria um relacionamento amoroso com um dos principais integrantes do grupo.

 

 


A primeira prisão preventiva da manicure havia sido decretada pela Comarca de Poconé, a 104 km de Cuiabá. Entretanto, a defesa recorreu e conseguiu reverter a prisão preventiva em prisão domiciliar, alegando que a acusada tem duas filhas menores de 12 anos. O Ministério Púlbico do Estado, porém, pediu à Justiça que Lúbia fosse presa novamente e a acusou de ter participação ativa nos crimes.

 

 

 


Ao aceitar os argumentos do MPE, a juíza Selma Rosane disse que, embora Lúbia não tenha antecedentes criminais, ela tinha importante atuação na quadrilha, "dando apoio material, logístico e moral" aos criminosos. E abrigou em seu apartamento "os demais comparsas", antes e depois dos crimes cometidos.

 

 

 


A magistrada disse ainda que a Justiça de Poconé foi induzida ao erro ao conceder a prisão domiciliar. Segundo dados judiciais, a guarda de uma das meninas, de 6 anos, está com a avó materna, porque Lúbia teria exposto a criança a situações de risco - consumo excessivo de bebidas alcoólicas e relacionamentos com pessoas que usavam drogas. A manicure teria ainda permitido que a filha ficasse sob a responsabilidade de pessoas incapacitadas para isso.

 

 

 


A avó já pediu a guarda da outra menina, que também mora com ela. "Portanto, à míngua de outros elementos, tenho que não é o caso de conceder à Representada o benefício da prisão domiciliar", disse a juíza na decisão.

 

 


A magistrada decretou ainda o bloqueio de até R$ 2 milhões da conta bancária de Lúbia. O valor é referente a R$ 1,2 milhão roubados de uma agência bancária em Cuiabá, e os outros R$ 800 mil, foram furtados de um banco em Poconé.

Fonte: Por G1 MT
VERSÃO IMPRESSA

EDIÇÃO 0135

ERIELTON VENTUROSO

Rolim de Moura - RO

Noticiário Geral

Neri P. Carneiro

Rolim de Moura - RO

Variedades

Acir Gurgacz

Porto Velho - RO

Política

Luiz Paulo - DESTACA

Rolim de Moura - RO

Geral

Fernando Garcia Lima

Rolim de Moura - RO

Folha da Mata

Vídeo 2: Pedófilo de 78 anos é flagrado assediando criança “Entra aqui quero meter” veja o flagrante

178 visualizações

Vídeo 1: Pedófilo de 78 anos é flagrado assediando criança “Entra aqui quero meter”

446 visualizações

Crianças abandonadas são encontradas às 2H da manhã na rua em Rolim de Moura

2771 visualizações

Vídeo de estudantes da Escola 4 de Janeiro gera repercussão negativa na web

214 visualizações

Vídeo bomba na web ao mostrar homem se dando mal quando tentava chutar cachorro indefeso

458 visualizações

TRIBUNA TOP DO POVO - Aqui você é Top!

Todos direitos reservados - Maio/2013 - Rolim de Moura - RO

EXPEDIENTE: Diretor responsável: ERIELTON VENTUROSO PINHEIRO - DRT/RO 1409 - Fone: (69) 8415-5956

Jornalista Responsável: ERIELTON VENTUROSO PINHEIRO - DRT/RO 1409 - Fone: (69) 8415-5956

Arte Finalista e Designer: Criação e tratamento de Artes: Fábio Jaguar - Fone: 8501-9990

Fotógrafos: João Evangelista - Fone: 8408-7908 / José Colde - Fone: 8407-0915

Contato: (69) 3442-6961 / tribunatop@hotmail.com / erieltonventuroso@hotmail.com

WEBMAIL ADM